Acusado de estelionato conta que iria para o programa do Raul Gil

A polícia de Campo Maior prendeu um homem identificado como Luciano Lages Trindade, 30 anos,acusado de crime de estelionato nos municípios de Teresina e Boqueirão do Piauí, distante 50 km do município de Campo Maior. Como estratégia de convencimento, Luciano Lages afirmava que tinha sido selecionado para participar do programa Raul Gil e necessitava comprar as passagens. 
Acusado disse que havia sido selecionado para cantar no Raul Gil
“De acordo com as vítimas, ele dizia que iria cantar no programa do Raul Gil e precisava de ajuda, pois não tinha como ir. Também informaram que ele afirmava ter apoio de empresários de Campo Maior e até do bispo para dar credibilidade ao golpe”, explica o chefe de cartório, Bayker Martins.
Luciano Lages foi transferido, nesta sexta-feira (11) para o município de Capitão de Campos, acusado de aplicar golpe de R$ 100 no bairro Dirceu II, em Teresina, e R$ 190 na localidade Sambaíba, no município de Boqueirão. 
Graciane Sousa (Especial para o Cidadeverde.com)

Deixe uma resposta