Após assalto, Polícia desbarata bando que agia em quatro cidades do Piauí

Uma operação na região Sul do Estado prendeu seis pessoas acusadas de assaltos a postos de gasolina, lojas, fazendas e até ônibus. As prisões ocorreram por volta das 11h desta segunda-feira (08).
De acordo com o major Feitosa, comandante da Polícia Militar de Uruçuí, a quadrilha foi presa após um assalto a um comerciante identificado como José Miranda dos Santos, que foi amarrado e teve sua motocicleta roubada em Canavieira. Durante o assalto, o comerciante foi atingido com um tiro e foi trazido para Teresina. 
No mesmo dia o primeiro preso foi Nilson Gonçalves de Faria, de Goaianésia, Goiás. Nilson é acusado de levar os dois assaltantes até o local. Em seguida, foi localizado  José Carlos Laurindo de Sousa, de Brasília, que confessou sua participação no roubo ao comerciante. A partir daí a Polícia chegou a prisão de mais quatro envolvidos.
Foram eles Wesley Aparecido da Silva, conhecido como Índio responsável pelo tiro que vitimou o comerciante. Pedro de Sousa Araújo Filho, acusado de trazer os elementos para realizar os assaltos na região e negociar veículos roubados, Paulo Roberto Oliveira Valente, de Canto do Buriti que participava da quadrilha dando apoio no resgate do bando após ação e Maria do Amparo Pinheiro de Carvalho, que reside no assentamento Santa Clara em Canto do Buriti,  presa com a arma usada no crime com cinco cartuchos intactos, dentro de sua bolsa e acusada de esconder “Índio” em sua casa.
As prisões englobaram os municípios de Eliseu Martins, Colônia do Gurguéia, Canto do Buriti e São Raimundo Nonato.
Foram apreendidos na operação, um veículo modelo D-10, cor preta, placa BNV 9745, um Fiat Uno, cor prata, placa NKB 6496-GO, um revólver calibre 38, a espingarda e uma quantia em dinheiro não informada.
Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Deixe uma resposta