Menino tem o coração perfurado por espeto de churrasco e sobrevive

Um menino de 11 anos teve o coração atravessado por um espeto de churrasco em Toritama, Pernambuco. O acidente aconteceu quando a criança caiu de uma escada em cima de um tonel onde estavam equipamentos de fazer churrasco. Ele segue internado mas não corre risco de morte. As informações são do site G1.
O acidente aconteceu na última quinta-feira (18/01). A equipe médica que atendeu o garoto classificou o acontecimento como um milagre. Uma médica disse ao site que em casos assim, o paciente chega em estado gravíssimo, ou então, nem chega.
A explicação para o menino ter sobrevivido foi que o o próprio espeto o salvou, estancando o sangramento. De acordo com a cirurgiã vascular, o objeto vibrava com as próprias batidas do coração.
Ainda segundo a equipe médica, o fato de ninguém ter mexido ou tentado retirar o espeto foi primordial. Caso contrário, ele teria morrido. O garoto já recebeu alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas segue internado no Hospital de Restauração, em Recife.
Fonte: G1 / O Tempo

Jovem morre após ser enterrado vivo no Piauí

Jovem morre após ser enterrado vivo no Piauí

O corpo de um jovem identificado como Natanael Monteiro Alves, de 21 anos de idade, foi encontado enterrado na manhã desta segunda-feira (22), em um matagal no município de José de Freitas.

De acordo com a polícia, pelas características do crime, Natanael foi jogado dentro do buraco ainda com vida. A perícia constatou que a vítima levou uma facada na garganta.

O corpo foi encontrado pelo um iirmão de Natanael. A Polícia Civil vai investigar o crime.

Prefeitura de Buriti dos Lopes Prossegue com programa “Ultrassom para todos!”

A prefeitura de Buriti dos Lopes, através de ação da Secretaria Municipal de Saúde, continua executando o programa Ultrassom no município. Dezenas de exames de ultrassom já foram e estão sendo realizados.

O trabalho está sendo feito pelo competentíssimo médico, Dr. Marçal com o apoio de toda equipe da secretaria de saúde que tem a frente da pasta a primeira dama Luda Percy, onde a mesma tem dado todas as condições necessárias para que se tenha um atendimento mais humanizado para aqueles que mais precisam.

Esse tipo de serviço tem beneficiado vários buritienses que antes necessitavam dos atendimentos e não tinha em suas localidades e hoje no governo do prefeito Júnior Percy a população tem sido agraciada.

Dr. Marçal vem realizando um excelente trabalho com o programa Ultrassom Itinerante. Milhares de pessoas já receberam os atendimentos. A população tem elogiado o seu trabalho. Trabalho este, que o credenciaram a ser escolhido para dirigir o Hospital Estadual Dr. Mariano Lucas de Sousa, aonde tem transformado o local em referência na região com um atendimento mais humanizado.

Jovem de 17 anos morre em Grave acidente na BR-343 em Caxingó

Um grave acidente na tarde deste domingo (21/01) deixou dois jovens feridos na BR-343, no povoado Jenipapo, zona rural do município de Caxingó. Uma motocicleta Honda Fan 150 ocupada por dois jovens colidiu violentamente na traseira de um veiculo Fiat Uno de cor preta.

De acordo com informações repassadas, as vitimas foram identificadas como Adriele Maria do Nascimento Carvalho e João Vitor de Araújo, ambos com 17 anos. Com a violência do impacto a motocicleta foi arrastada e as vitimas foram arremessadas na rodovia.

Após o acidente, o motorista do veiculo que não foi identificado evadiu-se do local sem prestar socorro às vítimas. Uma equipe do Samu esteve no local realizando os primeiros atendimentos e encaminharam as vítimas para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde – HEDA, em Parnaíba.

O jovem João Victor não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no HEDA por volta das 20h10. De acordo com os médicos ele teria levado uma forte pancada no tórax.Os jovens residem no povoado Pé do Morro.

Fonte: Diário do Norte

Caso de racismo contra jogador é registrado na Copa Norte de Futsal…

A XVIII Copa Norte de Futsal, teve nesse fim de semana mais uma rodada de grandes jogos e uma chuva de gols, porem, não terminou com um final feliz, pelo menos em um dos jogos na sede da cidade de Esperantina.

Havia uma razão especial para o sábado, 20 de Janeiro, ficar gravado na memória de Kássio Ricardo como um dia de alegria, afinal de contas era o seu aniversário, e ele queria de presente, uma classificação para as quartas de final da Copa Norte, junto com seu time, o Ametista de Batalha, mas esse cidadão, natural de Recife, umas das capitais mais lindas desse Brasil, teve uma atitude RIDÍCULA durante a partida dessa tarde. Ele simplesmente chamou, ou pior xingou o atleta Marcos Aurélio de “MACACO”, isso mesmo, essa data de sábado foi de tristeza para “Marquinhos”, como é conhecido, não pela derrota de seu time na prorrogação, mas por um ato de RACISMO em que o jogador foi vítima.

O caso foi registrado na delegacia daquela cidade, e os envolvidos foram ouvidos. Marcos Aurélio (vítima) foi liberado primeiro, já o jogador Kássio ficou detido, mas após pagar fiança de 2 salários mínimos foi liberado também.

Este fato ocorrido é profundamente lamentável, e chama a atenção para a necessidade urgente de discutirmos mais profundamente o racismo e toda e qualquer forma de discriminação no esporte.

Espero que providências cabíveis sejam tomadas, referente ao ato do jogador.

 

Homem é esfaqueado e fica com as vísceras expostas no bairro sabiazal em Parnaíba

O senhor José Maria Fernandes, de 50 anos, mais conhecido, “Zé Maria”, foi assassinado a golpes de faca, por volta das 12h30 deste sábado (20/01), no Bairro Sabiazal em Parnaíba. O rival de “Zé Maria” lhe perfurou a barriga, o pescoço e outras partes do corpo, conforme informou preliminarmente a perita criminal Marcela Sampaio. O corte na barriga deixou a vítima com as vísceras expostas.
O tenente José Armando disse que a Central de Operações da Policia Miliar (COPOM) recebeu a denúncia e foi averiguar. Foi constatado que o homem foi assassinado e jogado dentro de um profundo buraco no quintal da residência onde morava. O autor do homicídio fugiu. Foi encontrada uma faca de serra na cintura de José Maria e foi recolhida pela Perícia Criminal.
O homem era conhecido por trabalhar com escavações de poços entre outros serviços braçais. O delegado Eduardo Alves Ferreira, titular da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Parnaíba informou que as investigações, apesar de estarem no início, estão bem adiantadas quanto a autoria do crime. Uma equipe da Delegacia de Homicídios investiga o caso.
Por Daniel Santos/PCN

Presidente da FIEPI visita estádio e garante apoio ao Parnahyba Spot Club

O ex-governador e presidente da Federação das Indústrias do estado do Piauí (FIEPI), Zé Filho, reuniu-se, na manhã deste sábado (20/01), com a comitiva formada pelo presidente do Parnahyba Spot Club, Batista Filho e demais representantes da agremiação. O encontro aconteceu no Centro Esportivo Dirceu Arcoverde (Verdinho), que se prepara para receber o jogo de abertura do Campeonato Piauiense de Futebol, no domingo (21/01), a partir das 15h45.
Recentemente, a diretoria do “Tubarão” – apelido dado ao time pela grande torcida – esteve com o presidente da Fiepi solicitando o apoio para que as partidas fossem realizadas na Arena Verdinho, o que já ocorreu em anos anteriores. Durante a visita, Zé Filho falou sobre a parceria e garantiu que estão sendo feitos os esforços necessários para a realização da partida de abertura
 

 

A praça esportiva passa por uma ampla reforma desde o segundo semestre de 2017, e de acordo com a coordenação daquela unidade do SESI, deverá está com tudo pronto ainda no mês de fevereiro.  
Por Monica Pessoa
ASCOM FIEPI

Treinador de escolinha de futebol é acusado de assediar garotos

Um adolescente de apenas 16 anos, não identificado, procurou a equipe de Jornalismo da Rede Meio Norte para denunciar que está sendo assediado

pelo próprio treinador em uma escolinha de futebol em Teresina. Na mensagem, o menor usa o nome fictício de “Daniel” e conta que foi assediado várias vezes.

O adolescente também mostrou print de uma conversa com o suspeito que chega a pedir fotos íntimas em troca de passagens. A mãe da vítima conta que já desconfiava. “Por conta do comportamento do meu filho. Quando eu dizia que não dava para ele viajar porque eu não tinha condições, ele sempre ficava com raiava porque dizia: ‘Fulano me disse que eu vou conseguir passar no teste e entrar em um time profissional’. Só que eu dizia pra ele que não tinha condições de bancar, e aí o treinador dizia que ele tinha”, contou a mãe.

Segundo ela, a viagem não irá mais acontecer e o valor solicitado para  que o menor viajasse, no valor de  R$350,00, não será mais pago. Procurado para sobre a denúncia, o treinador negou todas as acusações.

“A gente abomina muito quem faz isso com criança, porque nós temos um trabalho voltado para isso. Nós temos dentro do nosso corpo, pessoas do Conselho Tutelar, nós temos pessoas da Polícia que são pais de garotos e quem trabalham com a gente. Então eu acho que se alguém faz um tipo de coisa dessa, eu acho que merece ser preso”, declarou.

O treinador disse estar ‘tranquilo’ e garantiu que ‘nunca’ tocou no adolescente. A dona de casa infirmou que irá acionar o Conselho Tutelar, assim como a Delegacia De Proteção a Criança  ao Adolescente

Mensgame enviada pela vítima (Crédito: Rede Meio Norte)
Mensagem enviada pela vítima (Crédito: Rede Meio Norte)

O adolescente também mostrou print de uma conversa com o suspeito que chega a pedir fotos íntimas em troca de passagens. A mãe da vítima conta que já desconfiava. “Por conta do comportamento do meu filho. Quando eu dizia que não dava para ele viajar porque eu não tinha condições, ele sempre ficava com raiava porque dizia: ‘Fulano me disse que eu vou conseguir passar no teste e entrar em um time profissional’. Só que eu dizia pra ele que não tinha condições de bancar, e aí o treinador dizia que ele tinha”, contou a mãe.

Segundo ela, a viagem não irá mais acontecer e o valor solicitado para  que o menor viajasse, no valor de  R$350,00, não será mais pago. Procurado para sobre a denúncia, o treinador negou todas as acusações.

“A gente abomina muito quem faz isso com criança, porque nós temos um trabalho voltado para isso. Nós temos dentro do nosso corpo, pessoas do Conselho Tutelar, nós temos pessoas da Polícia que são pais de garotos e quem trabalham com a gente. Então eu acho que se alguém faz um tipo de coisa dessa, eu acho que merece ser preso”, declarou.

O treinador disse estar ‘tranquilo’ e garantiu que ‘nunca’ tocou no adolescente. A dona de casa infirmou que irá acionar o Conselho Tutelar, assim como a Delegacia De Proteção a Criança  ao Adolescente

Fonte: Portal Meio Norte

Delegada vê canibalismo em morte de casal por causa de R$ 70 mil

Juvenal Amaral Neto e Cristina Amaral, encontrados mortos e enterrados no quintal da própria casa, no município de Camaçari, na região metropolitana de Salvador, “foram vítimas de uma barbárie”. Foi assim que a delegada Maria Tereza Santos, titular da 4ª Delegacia de Homicídios (DH), classificou o crime, na manhã desta sexta-feira (19), ao informar que o inquérito sobre o caso foi concluído e remetido à Justiça.

Dois adultos foram presos e três adolescentes, de 13, 14 e 16 anos, apreendidos suspeitos do duplo homicídio após denúncia anônima. Os adultos foram identificados como Daniel Neves Santos Filho, de 29 anos, e Carlos Alberto Neres Júnior.

Na cadeia, os presos foram obrigados a fazer sexo entre si por outros colegas de cela. A polícia apura o vídeo gravado dentro da delegacia.

Para a delegada, as provas presentes no inquérito levatam a hipótese de que, além de diversos outros crimes, o casal pode ter sido vítima de canibalismo. “Tudo leva a crer que os acusados praticaram canibalismo. As vísceras e partes de órgãos não foram encontradas. Não há indícios de onde estejam. Eles chegaram a separar os tecidos moles dos ossos das vítimas”.

A delegada ressalta que os peritos não fazem a conclusão de prática de canibalismo no inquérito, mas destaca que essa é uma hipótese levantada pelas provas.

O inquérito ainda aponta que Cristina Amaral, de 43 anos, foi a vítima mais torturada. Ela foi queimada e dilacerada. “Houve abuso sexual, houve a tortura. O braço dela foi amputado com vida, isso o perito afirmou. A perícia não afirma [a prática de canibalismo], mas não foram encontradas partes da vítima. Eles arrancaram o ovário, as trompas. Não sabem onde estão”.

O marido dela, Juvenal Amaral Neto, de 57 anos, também foi vítima de barbárie. “O homem também foi torturado. As costas foram cortadas e fatiadas. Cortaram o homem com faca de ferro, cortaram vivo”, conta a delegada sobre o episódio de terror apontado pelo inquérito.

Nos interrogatórios, a delegada Maria Tereza diz que os suspeitos contaram que esganaram a mulher. Entretanto, o inquérito apontou que ela foi decapitada. Sobre os depoimentos, ela aponta o perfil dos assassinos. “Frios. Não reagiram. Não havia preocupação”.

Conforme a delegada, Daniel e Carlos Alberto foram indiciados por latrocínio (roubo seguido de morte), estupro, ocultação de cadáver, porte ilegal de arma e corrupção de menores. Os adolescentes vão responder por estupro e latrocínio.

 A Polícia Civil da Bahia apura a gravação de um vídeo em que os dois adultos presos aparecem sendo obrigados por colegas de cela a fazer sexo oral um no outro, dentro da cadeia onde estavam custodiados. A cena foi gravada pelos próprios detentos com um celular e divulgada em redes sociais.

A ação dos colegas de cela teria sido uma retaliação pelo crime. No vídeo, um dos presos que obriga os suspeitos a fazer sexo diz: “Fale: ‘Eu sou estuprador’. É assim que os caras fazem na cadeia”.

Nas imagens, também é possível ver que os detentos obrigam os dois suspeitos a baterem um no rosto do outro. Os dois ainda sofrem agressões dos colegas de cela — um deles leva um soco no estômago.

Crime

Quando cometeram o crime, os homens presos e adolescentes apreendidos estariam em busca de R$ 70 mil que as vítimas tinham recebido. A informação foi divulgada pela Secretaria da Segurança da Bahia (SSP-BA). Conforme o órgão, o valor seria proveniente de uma indenização.

As vítimas desapareceram no dia 7 de janeiro, e os corpos deles foram encontrados dois dias depois. Segundo a polícia, todos confessaram participação no crime. A avó de uma dos adolescentes trabalhava como caseira para as vítimas.

Eles foram localizados após denúncia anônima. Com os suspeitos foram encontrados uma espingarda calibre 12, um revólver e um veículo modelo Focus, placa JOD-0346.

Conforme a polícia, o grupo invadiu a casa das vítimas e, por não conseguir pegar o dinheiro, estuprou a mulher, assassinou o casal e enterrou os corpos no quintal da casa.

Fonte: G1

Mulher é atingida por engano em tentativa de homicídio na Ilha de Santa Isabel em Parnaíba

Sarah Maria Carvalho Gonsalves, 32 anos morreu durante uma tentativa de execução. Sarah estava em seu estabelecimento de trabalho localizado na estrada da Pedra do Sal, na Ilha de Santa Isabel em Parnaíba quando dois homens em uma moto Fan de cor preta chegaram e efetuaram vários disparos para atingir um cliente que estava na lanchonete da vítima.
Sarah acabou sendo atingida com um tiro na cabeça e morreu no local.
Uma testemunha contou que os homens chegaram e começaram a atirar na direção do alvo, mas na tentativa de se livrar dos balaços Sarah se abaixou e o tiro atingiu sua cabeça.

Um projétil possivelmente de calibre “38” foi encontrado do lado do corpo, na parede e na porta do estabelecimento ficaram as marcas das balas.
A Polícia Militar insolou o local até a chegada da perícia, que constatou que a vitima foi atingida somente com um tiro na cabeça.
A principal hipótese do crime é acerto de contas, mas infelizmente uma pessoa que não tinha nada haver com o verdadeiro alvo perdeu a vida.
Por: Gleitowney Miranda