CASO MAILSON KELVIN: Assassino confesso e coautor são presos pela polícia de Parnaíba

Um dos menores ao dar entrada na Central de Flagrantes de Parnaíba
Um dos menores ao dar entrada na Central de Flagrantes de Parnaíba (Foto: Blog do Pessoa)
Encontram-se apreendidos na Central de Flagrantes da Polícia Civil de Parnaíba, no Bairro São Benedito, os menores de iniciais M.D.S e A.L.P, ambos de 16 anos, sendo o primeiro assassino confesso do estudante parnaibano Mailson Kelvin Rodrigues de Sá, de 17 anos. O crime aconteceu por volta das 21h da última quarta-feira, dia 10, na Avenida São Sebastião, próximo ao Ideal Center. O outro menor, A.L.P. admitiu coparticipação no delito. Ambos residem no Bairro João XXIII, na região leste de Parnaíba.
As apreensões dos dois menores foram feitas neste domingo por policiais do serviço reservado da Polícia Militar do Piauí. O menor M.D.S. chegou a confessar à polícia que desferiu as duas facadas, uma no pescoço e outra no tórax, que tiraram a vida do estudante da escola estadual CEEP.
Vítima Mailson Kelvin
CELULAR E A ARMA DO CRIME
Com o menor M.D.S foram encontrados um celular pertencente à namorada da vítima fatal e também a faca utilizada no assassinato.  A Policia Civil deverá agora concluir o inquérito apontando a autoria do assassinato de Maison Kelvin, mas já se sabe que, pelo Código Penal Brasileiro, os assassinos, mesmo confessos, estão sujeitos apenas a medidas de segurança, também previstas pelo Estatuto da Criança e do Adolescente(ECA), pelo fato de serem menores de idade.
Edição: F.Carvalho, do www.a24horas.com

Deixe uma resposta