Creche modelo Pré-Escolar Tipo “B” continua sem funcionar e intriga Buritienses

Moradores de Buriti dos Lopes estão intrigados com uma obra iniciada no governo passado e que ainda não foi entregue. A população quer saber o motivo do não funcionamento da creche modelo Pré-Escolar Tipo “B” o local esta fechado e sem utilidade as crianças.

A gestão passada realizou uma grande mídia, inauguraram o prédio sem mesmo a obra ter acabado, o detalhe é que mesmo pós-inauguração homens eram vistos no local trabalhando. Nossa redação tem recebido inúmeras mensagens reclamando e indagando quando a creche vai funcionar e beneficiar as crianças Buritienses.

Para os mais polêmicos, a obra deverá se transformar em ‘‘elefante Branco’’. Problemas que afetam o dia-a-dia da população e poderia ter sido evitado.  A Secretaria Municipal de Educação será acionada para explicar os motivos do espaço não esta funcionando.

Pedro Guimarães

 

OBRA SONRISAL: Escola reformada por Bernildo Val com valor exorbitante em Coroa de São Remígio

O ex-prefeito de Buriti dos Lopes, Bernildo Val (PSD), durante sua administração realizou a reforma de uma escola na Comunidade Coroa de São Remígio, segundo informações foram gastos cerca de R$ 134.832,18 (Cento e trinta e quatro mil, oito centos e trintas e dois reais e dezoitos centavos), porém os moradores do citado povoado denunciam que a obra está ‘desmoronando’.

A Escola José Lucas Leódido esta com paredes rachadas, além da péssima estrutura deixada pelo ex-gestor. Moradores estão indignados com a falta de compromisso de Bernido Val que mesmo ao sair do Governo fez propaganda dizendo que as escolas foram entregues em boas condições, todavia os moradores desmentem o ex-prefeito e denunciam a verdadeira forma que foi entregue as instituições escolares de Buriti dos Lopes.

Equipes da Secretaria de Educação e da Secretaria de Infraestrutura, após uma determinação do Prefeito Júnior Percy vão vistoriar a denúncia e posteriormente fazer um relatório.

O gestor lamenta a falta de responsabilidade do governo passado. Segundo Percy, esse é apenas mais um dos casos de desperdício do dinheiro público e reforçou que a população não será penalizada, porém se for o caso irá agir judicialmente contra atos de improbidade administrativa de gestões passadas.

MEC divulga hoje as primeiras notas de corte do Sisu

O Ministério da Educação (MEC) divulga hoje (30) as primeiras notas de corte do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do segundo semestre. É possível acessar pela internet a nota mínima necessária para passar em cada um dos cursos oferecidos pelo sistema. No Piauí, a Universidade Federal vai ofertar quase 2.500 vagas distribuidas nos campi de Teresina (1.242), Floriano (160), Picos (360), Parnaiba (440) e Bom Jesus (250).

A nota é calculada diariamente com base no número de vagas disponíveis e no total de candidatos inscritos para aquele curso. É a menor para o candidato ficar entre os potencialmente selecionado para o curso. O candidato que já fez a inscrição poderá consultar a própria classificação parcial na opção do curso escolhida.

O MEC alerta que essas informações devem servir apenas de referência para ajudar o participante no monitoramento da inscrição, não sendo garantia de seleção para a vaga.

Inscrições

As inscrições começaram nessa segunda-feira (29) e vão até o dia 1º de junho. Para se inscrever, o candidato precisa ter feito o Enem 2016 e não ter tirado 0 na redação. Mais de 6,1 milhões fizeram o Enem no ano passado. O candidato pode fazer até duas opções de curso e alterá-las até o fim do prazo de inscrição.

Ontem, um problema no sistema pode ter afetado 600 mil candidatos. Segundo o ministério, a situação foi normalizada e os estudantes atingidos orientados a trocar de senha.

Ao todo, são ofertadas neste semestre 51.913 vagas em 1.462 cursos de 63 instituições de ensino, entre universidades federais e estaduais, institutos federais e instituições estaduais.

O Sisu terá uma única chamada, e a divulgação do resultado está prevista para o dia 5 de junho. Também nessa data será aberta a lista de espera, que permanecerá disponível até 19 de junho. As matrículas serão do dia 9 ao dia 13 de junho, e a convocação da lista de espera será feita a partir do dia 26 de junho.

 

Fonte: Agência Brasil 

Professores e alunos voltam com entusiasmo para Escola CIEF e aprovam reforma

 

Na noite do último sábado (20), o Prefeito de Buriti dos Lopes Júnior Percy entregou a população o novo CIEF.        O espaço estava em reforma após sofrer problemas devido à falta de manutenção nos últimos quatro anos.

Já na segunda-feira (22), alunos e professores da unidade escolar retornaram ao espaço e foram surpreendidos com conforto e a qualidade do novo ambiente. Professores elogiaram a reforma e parabenizaram o Prefeito Júnior Percy e sua equipe pelo belo trabalho desenvolvido.

“Agora vamos trabalhar tranquilos em um lugar agradável e limpo, já podemos notar no olhar de cada criança a felicidade de voltar para sala de aula e estudar em uma escola como o CIEF. Queremos agradecer ao prefeito Júnior Percy, ao Secretário de Educação, a direção e a toda equipe que se empenhou nessa reforma” disse uma professora.

Já o Prefeito Júnior Percy não escondeu sua felicidade e disse se sentir bastante satisfeito com o resultado final da reforma. “Agradeço a todos que de certa forma nos ajudaram nessa reforma, estou muito feliz e tenho certeza que essa é à mesma felicidade dos pais, professores e alunos” destacou o prefeito.

ASCOM

Após fraudes, Nucepe monta forte esquema de segurança para concurso da PM

As recentes fraudes em concursos públicos no Estado levaram o Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe) em parceria com as polícias Civil e Militar a montar um forte esquema de segurança para evitar irregularidades no certame da Polícia Militar do Piauí, que acontece neste domingo (21).

Ao todo, 32 mil candidatos concorrem as 400 vagas previstas no edital. Uma das medidas para evitar fraudes é a concentração de todos os concorrentes na Capital.

“A primeira medida foi concentrar todos os candidatos em Teresina para evitar a dispersão, pois as vagas são para dez cidades. Lógico que também adotamos medidas como coletas digitais e uso de detectores”, disse Pedro Júnior, presidente do Nucepe.

Na tarde desta quarta-feira (17), equipes dos Núcleos de Inteligência das polícias Civil e Militar discutem estratégias específicas para o dia de aplicação das provas, uma das cinco etapas do certame.

Sobre a incidência de fraudes envolvendo certames organizados pelo Nucepe, Pedro Júnior diz que o problema é um caso de polícia e não administrativo.

“O Nucepe não tem como evitar fraudes 100%. Contudo, sempre tomamos todas as medidas internas para evitar a situação, mas contra bandido é difícil. É um caso de polícia. Estamos reforçando ainda mais a segurança para evitar problemas neste concurso. No momento, o material já está pronto, iniciamos o processo de seleção de fiscais, estamos visitando os locais de aplicação de provas. Tudo está transcorrendo normal”, finaliza o presidente do Nucepe.

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Reforma da escola CIEF está em fase de conclusão.

Ao assumir a frente do município, a nova gestão se preocupou em verificar as instalações da escola e constatou que o prédio precisava de uma reforma.O teto foi um dos principais pontos críticos que foram constatadas, onde foram feitas diversas melhorias na estrutura física do prédio como revisão da cobertura com reparo geral na unidade escolar.

Veja como era antes na gestão do ex-Prefeito derrotado Bernildo Val. Nas imagens você pode perceber a falta de compromisso da gestão passada com a educação do município. A escola estava totalmente abandonada.

No período chuvoso, os alunos tinham que se retirar das salas de aula para não se molhar. Os banheiros estavam totalmente deteriorados, um verdadeiro estado de abandono na estrutura física da unidade.

Alunos, funcionários e pais de alunos tiveram que passar os últimos quatros anos frequentando o espaço escolar em péssimas condições,veja como era o descaso com a escola.

Agora eu pergunto: Era esse o Buriti que eles diziam que amavam? Passaram os 4 anos sem se quer fazer um reparo na escola.

Com o trabalho feito pela gestão do prefeito Júnior Percy, a reforma está em fase de conclusão para que ofereçam boas condições de trabalho aos professores e alunos, para favorecer o aprendizado e estimular o aluno a se dedicar aos estudos, reduzindo assim, a evasão escolar.

VEJA COMO ESTÁ FICANDO A ESCOLA!

Novo teto

Universidades devem colaborar na implementação do Programa Criança Feliz

O Programa Criança Feliz contará com a cooperação de universidades de todo o País. A novidade foi assunto em debate realizado, nesta quarta-feira (3), entre o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, e reitores de intuições de ensino superior. O encontro aconteceu durante palestra na reunião plenária do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (Crub).

Com 50 anos de atuação, o conselho representa 133 instituições de ensino. Para o ministro, o meio acadêmico tem muito a contribuir com o desenvolvimento infantil. Segundo ele, é preciso criar cursos superiores que se dediquem ao estudo da primeira infância. Estudantes de diversas áreas, como medicina, psicologia e pedagogia, poderiam obter experiência profissional como visitadores domiciliares ou multiplicadores do Criança Feliz.

Outra proposta é usar o espaço físico das universidades para promover cursos e capacitações regionais voltadas a quem atua no programa. Na ocasião, o ministro explicou que os primeiros mil dias de vida – foco do Programa Criança Feliz – são o período mais importante na formação das inteligências, habilidades e competências do ser humano.

“Uma criança bem estimulada terá notas melhores na escola, um emprego melhor que o de seus pais e uma melhor qualidade de vida no futuro”, afirmou.

Presidente do Crub, o reitor da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Benedito Guimarães Aguiar Neto, dispôs-se a fazer articulações entre as universidades que compõem a rede de atuação do conselho para formalizar o apoio ao programa.

“Essa integração com os setores que regem as políticas públicas do País é fundamental. O trabalho em parceria é muito importante para que a escola possa ajudar no desenvolvimento social do País”, reforçou.

Programa 

Com atenção voltada para a primeira infância, o Criança Feliz acompanhará mais 4 milhões de beneficiários do Bolsa Família, de até 3 anos, e as crianças de até 6 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Em todo o País, 2.547 municípios já aderiram à iniciativa. Com foco na visitação domiciliar, o programa reunirá ações em áreas como saúde, educação, cultura e justiça.

Técnicos capacitados irão até as casas das famílias para mostrar aos pais a maneira correta de estimular o desenvolvimento dos filhos, principalmente nos primeiros mil dias de vida da criança.

Fonte: Portal Brasil, com informações do MDSA

Enade 2017 será aplicado em 26 de novembro

Provas serão aplicadas para cursos de bacharel, licenciatura e tecnólogo

O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) de 2017 será aplicado no dia 26 de novembro, com início às 13h30, no horário de Brasília. A portaria com a data foi publicada na edição desta quinta-feira (27) no Diário Oficial da União, pelo Ministério da Educação.  Segundo as orientações técnicas do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), as Instituições de Educação Superior (IES) serão responsáveis pelo enquadramento dos cursos de graduação nas respectivas áreas de abrangência, pela inscrição dos estudantes em situação irregular junto ao Enade de anos anteriores e dos estudantes habilitados ao Exame de 2017.

Nesta edição, deverão participar do exame os estudantes concluintes dos Cursos de Bacharelado ou Licenciatura que tenham expectativa de conclusão do curso até julho de 2018 ou que tenham cumprido oitenta por cento ou mais da carga horária mínima do currículo do curso da IES até o final das inscrições do exame.

Estudantes concluintes dos Cursos Superiores de Tecnologia que tenham expectativa de conclusão do curso até dezembro de 2017 ou que tenham cumprido setenta e cinco por cento ou mais da carga horária mínima do currículo do curso da IES até o final das inscrições do Exame também deverão fazer a prova.

A cada três anos, o Ministério da Educação aplica a prova para avaliar o desempenho de estudantes do ensino superior e para acompanhar a evolução de um determinado grupo de cursos. O exame é obrigatório.

Cursos

O Exame será aplicado para avaliação de desempenho dos estudantes dos cursos de bacharel na área de Arquitetrua e Urbanismo; Engenharia Ambiental; Engenharia Civil; Engenharia de Alimentos; Engenharia de Computação; Engenharia de Controle e Automoção; Engenharia de Produção; Engenharia Elétrica; Engenharia Florestal; Engenharia Mecânica; Engenharia Química; Engenharia; e Sistema de Informação.

A prova também será aplicada para cursos de bacharel ou licenciatura nas áreas de Ciência da Computação; Ciências Biológicas; Ciências Sociais; Filosofia; Física; Geografia; História; Letras – Português; Matemática; e Química. E licenciaturas em Artes Visuais; Educação Física; Letras – Portugês e Espanhol; Letras – Português e Inglês; Letras – Inglês; Música; e Pedagogia.

Tecnólogos nas áreas de Análise de Desenvolvimento de Sistemas; Gestão da Produção Industrial; Redes de Computadores; e Gestão da Tecnologia da Informação também farão o exame nessa edição.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Diário Oficial da União

Instituições de ensino superior recebem R$ 199,52 milhões em recursos

O governo federal repassou R$ 199,52 milhões às instituições federais de ensino para custeio das instituições e programas. Além disso, os recursos também poderão ser utilizados na manutenção das instalações e investimentos.

A maior parte dos valores, R$ 138,19 milhões, será repassada às universidades federais, incluindo hospitais universitários. Já a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica receberá R$ 59,73 milhões. Dentro dos valores repassados para universidades e institutos, também estão R$ 27,26 milhões destinados ao pagamento de despesas relacionadas a assistência estudantil.

O restante, R$ 1,59 milhão, foi repassado às unidades Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines), Instituto Benjamin Constant (IBC) e Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj).

Desde o início do ano, o Ministério da Educação (MEC) repassou R$ 1,9 bilhão para as instituições federais, incluindo recursos destinados ao pagamento de despesas das universidades e institutos federais, do Ines, do IBC e da Fundaj.

“Os recursos financeiros garantirão que as instituições da rede federal mantenham o bom funcionamento das aulas e demais atividades desenvolvidas – tais como o pagamento de bolsas da assistência estudantil ou pagamentos referentes a água, serviços terceirizados, luz, entre outros”, explica a subsecretária de Planejamento e Orçamento do MEC, Iara Ferreira Pinheiro.

Fonte: Ministério da Educação (MEC)

Prefeito Júnior Percy faz vistoria em empresa que está fornecendo merenda escolar de Buriti dos Lopes

O prefeito Júnior Percy acompanhado de sua equipe, visitou na manhã desta quinta-feira (30/03) a empresa que está fornecendo merenda às escolas municipais.

O gestor verificou de perto a qualidade dos produtos que estão sendo servidos aos alunos da rede municipal de ensino de Buriti dos Lopes. Segundo Junior Percy, a preocupação é necessária para garantir a qualidade da merenda escolar e o bem estar dos alunos.

O prefeito ressalta seu compromisso com a educação e disse que tem pedido empenho de todos da Secretaria de Educação para garantir um serviço satisfatório a população. “Estamos vigilantes, atentos aos serviços prestados a nossa população. Queremos que tudo siga no caminho correto, garantindo conforto e qualidade a todos.

Viemos aqui visitar a empresa para conferir de perto os produtos que os alunos estão consumindo. A história agora é outra, Buriti dos Lopes terá um Prefeito atuante, e acima de tudo comprometido com assuntos de interesse do povo” disse Júnior.

ASCOM