Congresso Nacional vai custar R$ 1,2 milhão por hora em 2018

O Congresso Nacional tem orçamento de R$ 10,5 bilhões, previsto para 2018. O investimento equivale a R$ 1,2 milhão por hora e é superior às dotações destinadas aos 40 ministérios do Governo Federal, inclusive do Ministério dos Transportes, que terá verbas de 7,7 bilhões no próximo ano.

Conforme o levantamento do Contas Abertas, o valor está previsto no projeto de Lei Orçamentária, porém nenhuma emenda parlamentar foi apresentada para compor o orçamento do Congresso. Serão destinados R$ 6,1 bilhões para a Câmara dos Deputados e R$ 4,4 bilhões para o Senado.

  • Foto: Saulo CruzPalácio do Congresso Nacional.Palácio do Congresso Nacional.

Com maior orçamento, a Câmara possui, além dos 513 deputados, 3.344 servidores concursados, do cargo efetivo e 12.456 servidores de cargos comissionados, nomeados por autoridade competente. Desse total, 10.883 são do secretariado parlamentar e 1.573 são de natureza especial.

Assim, o pagamento do pessoal e de encargos sociais consome R$ 4,9 bilhões dos cofres públicos, representando 80,3% do orçamento. O resto das despesas, R$ 1,1 Bilhão correspondem aos gastos com a manutenção das atividades dos órgãos, tais como material de consumo, material de distribuição, despesas de locomoção, entre outras. Ainda R$ 127,7 milhões relativos a obras e compra de equipamentos.

Já no Senado, apesar do orçamento um pouco mais modesto, a situação não é diferente. 84% dos R$ 4,4 bilhões são destinados ao pagamento do quadro de funcionários, o que equivale a R$ 3,7 bilhões. As despesas correntes consumirão R$ 637,6 milhões e os investimentos totalizam R$ 49,7 milhões.

Deixe uma resposta