Criança de 09 anos era usada para vender drogas

Munição e crack

Uma guarnição da polícia militar comandada pelo sargento Itapirema Barros, fazia uma ronda de rotina no bairro Planalto Tremembés quando foi vista uma criança com atitude suspeita, que diante do fato, os militares pararam a viatura e começaram a conversar com o menor.


Após uma busca, os militares encontraram um saquinho contendo pedras de crack em poder do menor, que ao questionarem a procedência da droga, os militares se dirigiram a uma casa localizada a rua G com à avenida deputado Cândido Ataide, por trás do Caic, no bairro Planalto Tremembés.

Crack, cocaína, dinheiro, munição e um documento do acusado

Na residência, a policia encontrou 94 pedras de crack, 3 trouxas de cocaína, uma pedra sólida de crack e 4 cartuchos intactos de escopeta calibre 12. A criança confessou que não morava na casa e pertencia a um sujeito identificado como Francisco Ítalo de Castro Vieira, de 23 anos, natural de Parnaíba, que empreendeu fuga durante abordagem dos policiais.

Ficou constatado no inquérito policial, que Ítalo é o legítimo dono da droga, pois usava o menor para fazer a venda em troca de favores dando brinquedos e promessa de uma bicicleta, como forma de recompensa:

O advogado Márcio Mourão esteve na delegacia com a família do menor e a delegada plantonista Dra. Jesus Basto o liberou da detenção

Deixe uma resposta