Governo anuncia 14 novas obras na orla da praia de Atalaia

O Comitê Gestor da Orla de Atalaia formado por entidades como Superintendência do Patrimônio da União (SPU), Secretaria Estadual do Turismo (Setur), Prefeitura de Luís Correia, Secretaria do Meio Ambiente (Semar), Sebrae, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e Associação dos Empresários da Orla se reuniu nesta terça-feira (13), na sala de reunião do Sesc Praia em Luís Correia para tratar de melhorias na Orla de Atalaia.
Na reunião, o gerente da Secretaria do Turismo, Edson Correia, apresentou aos membros do Comitê uma avaliação do equipamento turístico referente às modificações na estrutura original do projeto e as construções irregulares que prejudicam esteticamente o local. “Fizemos algumas visitas na Orla para avaliar a conservação do equipamento, analisar as modificações que vários empresários fizeram sem autorização do Comitê e as construções irregulares na linha de praia. Cabe ao Comitê avaliar essas modificações, o que for benéfico pode ser aprovado e até expandido por outros permissionários, o que fugir do padrão estético deve ser retirado”, disse.
Segundo o chefe de Gabinete da Setur, Francisco das Chagas Sousa, a Orla de Atalaia possui 28 barracas, que estão sendo utilizadas por empresários através de um Termo de Permissão, os empresários devem seguir normas de uso e funcionamento do estabelecimento sob pena de terem seu termo de permissão cancelado. A Secretaria do Turismo está fazendo um recadastramento dos permissionários da Orla para que novos Termos de Permissão sejam assinados. Antes da assinatura dos novos Termos, o Comitê da Orla deliberou sobre 14 pontos que devem ser implantados no equipamento.
Edson Correia, disse que entre as deliberações estão a demolição de construções irregulares, recuperação de trechos do calçadão, determinar pontos para novos estacionamentos, instalação de box da Polícia Militar, arborização da área do calçadão e instalação de lixeiras públicas ao longo da Orla, terraplanagem em áreas próximas às barracas, realização de cursos de prática de gestão elaboração de um calendário de eventos da Orla.
O representante da Superintendência do Patrimônio da União, Juarez Maranhão, disse que a SPU vem acompanhando as modificações que os empresários da Orla de Atalaia vêm fazendo na linha de praia.
O presidente da Associação dos Empresários, Inavildo Silva, se comprometeu a conversar com os empresários que estão com construções irregulares para que eles espontaneamente retirem as construções, caso isso não aconteça, os mesmos serão notificados e  podendo ser demolidos pela Setur. 
A prefeitura de Luís Correia se comprometeu em avaliar em 15 dias o que foi solicitado quanto a padronizar e pintar locais de carga e descarga na frente das barracas para facilitar o abastecimento dos estabelecimentos, realizar pequenos consertos no calçadão e a instalação de  lixeiras na Orla.
A Secretaria do Turismo se comprometeu em fazer manutenção nos refletores da Orla que estarão funcionando antes do reveillon, ficou a cargo também do Governo a instalação de um box de policiamento.
O gerente do Sebrae Parnaíba, Francisco Carvalho, disse que o Sebrae continuará com a programação de cursos e práticas de gestão  para os permissionários. “Daqui a uma semana vamos começar um curso de gestão financeira, mas temos tido dificuldades com os comerciantes da Orla. Oferecemos uma consultoria individual  e gratuita na área de cozinha, salão e gerencial, dos 28 empresários apenas quatro aceitaram, mostrando um total desinteresse dos demais empreendedores”, relata.
Quanto à realização de eventos, a preocupação do Comitê Gestor é realizar ações na baixa temporada e prolongar as férias. “Esse ano tivemos vários eventos que competiram com o litoral no fim de julho, então, precisamos criar ações para o começo de julho, antecipar as férias. Vamos reunir o Sebrae, a Setur de Luís Correia e a Associação dos Comerciantes para formatar uma proposta com sugestão de eventos para 2014”, disse Francisco das Chagas.
Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Deixe uma resposta