Governo gastou R$ 850 mil em café, água e biscoitos para recepção ao papa Francisco no Palácio da Guanabara

[JMJ] Governo gastou R$ 850 mil em café, água e biscoitos para recepção ao papa Francisco no Palácio da Guanabara

A recepção ao papa Francisco que será realizada hoje, 22 de julho, no Palácio da Guanabara custará R$ 850 mil aos cofres públicos do governo do estado do Rio de Janeiro.
Na lista de itens a serem servidos aos 650 convidados estão apenas café, água e biscoitos. Uma comparação feita pela reportagem do jornal Folha de S. Paulo estima que uma refeição num hotel de alto padrão na zona sul da cidade, com entradas, coquetéis, saladas, prato quente e sobremesa sai em torno de R$ 250 por pessoa. O café, água e biscoito que serão servidos ao papa e seus convidados custará em torno de R$ 1.300 para cada um.
O governo do estado do Rio de Janeiro alega que a empresa responsável foi escolhido por meio de licitação e que o bufê da recepção custará apenas R$ 8 mil, o que faria o custo por convidado ser de apenas R$ 12,00. No entanto, a assessoria de imprensa do governo não explicou onde serão gastos os outros R$ 842 mil que foram pagos pela recepção.
Entre os convidados do evento estão a presidente Dilma Rousseff (PT) e o vice-presidente, Michel Temer (PMDB), além do anfitrião, governador Sérgio Cabral (PMDB).
O pontífice da Igreja Católica será recebido na sede do governo estadual no final da tarde de hoje, depois de aterrissar no Rio de Janeiro por volta das 16h00 e percorrer as ruas do centro da capital fluminense de carro aberto.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Deixe uma resposta