Ilha Grande do Piauí com quase 10 mil habitantes só tem 4 garis trabalhando

Nem mesmo o pagamento referente a insalubridade e recreativo está sendo feito.

Ilha Grande do Piauí, município a 340 km ao Norte de Teresina, já tem uma população de quase 10 mil habitantes, e enfrenta muitos problemas de limpeza pública e infraestrutura. Só para se ter uma ideia, o município possui apenas cinco garis para fazer a limpeza e trabalho de capina nas ruas, e um deles está impedido de trabalhar por pendências na justiça.
O 180graus encontrou com seu Antônio de Pádua e Francisco Wilton. Os dois trabalhavam debaixo do sol forte em plena 11h da manhã, e não vestiam nenhum equipamento de segurança, obrigatório para esse tipo de trabalho.
“O que estamos vestindo aqui é improvisado, desde as luvas até as camisas mais longas, nós que demos um jeito de conseguir, porque a prefeitura não nos deu”, afirma Antônio de Pádua.
Ele afirma ainda que nem mesmo o pagamento referente a insalubridade e recreativo está sendo feito. “Nós até temos um sindicato, mas o que a prefeitura fala eles dizem amém, mas é aguardar e saber o que vai acontecer daqui por diante. Até mesmo com um colega nosso, que ainda no período da gestão passada perdeu um turno de trabalho, e quando deveria ter sido apenas suspenso, foi colocado na justiça”, relata.
Na questão de limpeza e saneamento, o prefeito Herbert Silva, comenta sobre o estudo sobre resíduos sólidos que está sendo feito no município e será de grande importância, considerada a maior obra de saneamento do município.
Ele comentou ainda com nossa reportagem sobre a dificuldade que está sendo gerir o município nestes primeiros meses, com o orçamento apertado. “Estamos levando a prefeitura como Deus quer e ainda enfrentando dificuldades”, disse. 
Enquanto isso, nas ruas…

| Por Apoliana Oliveira e Fábio Carvalho/180graus

Deixe uma resposta