PT não tem mais ilusões e já prepara sua retirada do Governo de Wilson Martins

Wilson Martins
Wilson Martins
Convencidos de que o candidato de Wilson Martins a sua sucessão em 2014 sairá mesmo das hostes do PMDB, e muito provavelmente será o vice José Filho Moraes Souza, os principais líderes do Partido dos Trabalhadores no Piauí estão preparando “uma saída honrosa” da administração estadual e planejam colocar na rua imediatamente a candidatura do senador Wellington Dias, antes que ela “sofra mais defecções”.
A revelação foi feita no início da noite de ontem, terça-feira, a este repórter por um expoente do PT, que defende a retirada imediata, com todos os membros do partido que ocupam cargos entregando-os a Wilson Martins. “Não tem mais o que esperar, o senador Wellington, com aquele espírito conciliador acha que as coisas ainda não estão definidas mas nós não podemos perder mais tempo, temos que sair do Governo logo porque se deixarmos para fazer isso mais tarde o povo pode achar que somos oportunistas”, completou.

Divergências

A maioria dos petistas tem consciência de que Wilson Martins não ficará com o partido na sua pretensão de ter candidato a governador mas existem aqueles que, embora silenciosamente, admitem até mesmo uma candidatura de vice, mas dificilmente conseguirão convencer líderes como Assis Carvaho, Fábio Novo, Jesus Rodrigues, Antônio José Medeiros, João de Deus, Cícero Magalhães e outros de que o partido deve abrir mão de uma candidatura própria.
Os setores mais representativos do PT não admitem e acham até uma brincadeira de mal gosto a tese, defendida por políticos ligados ao Governador, de que deve haver “um rodízio de candidaturas na base”.

A direção nacional do PT já foi informada por líderes piauienses de que no Piauí dificilmente deixará de existir duas candidaturas oriundas dos partidos que se aliaram para eleger Wilson Martins e já se preparam para ter, também, como adversários, o PTB e o PP. Contam como certo o apoio do PC do B.

Deixe uma resposta