A quem interessa a agressividade da TV Clube, contra o atual governo?

Ninguém pode ficar calado com os problemas que o Piauí vem enfrentando, é verdade! É dever da imprensa divulgar, informar e esclarecer todos os fatos de maneira simples e sem ‘rabo preso’ a nenhum grupo político.
Na coletiva que deu a imprensa ontem (02/12) o governador Zé Filho por dois momentos falou o que ‘eu’ a maioria das vezes penso em casa sozinho ou comento com alguns amigos. Primeiramente ele disse que quando uma pessoa perde uma eleição vira ‘um cachorro morto’, sem importância.
Logo depois ele foi mais direto ainda, quando o jornalista Efrem Ribeiro do sistema Meio Norte fez uma indagação. Zé Filho falou dos repasses que eram feitos aos meios de comunicação inclusive ao sistema Meio Norte.
Hora bolas, Zé Filho perdeu a eleição e é comum ‘uma parte’ da imprensa do Piauí metralhar o final de sua gestão para agradar o novo governador e quem sabe receber um ‘belo’ contrato a partir de 2015. O certo que os problemas existem e ‘alguns’ setores da imprensa mostram e ouve o outro lado, porém em certos lados da imprensa só interessa agradar o novo governador e colocar medo na população piauiense.
Agora eu me pergunto: A quem interessa a agressividade da TV Clube, contra Zé Filho? Agressividade essa contra a gestão, pois pelo o que se mostra na TV o Piauí é quase um inferno, o Piauí não tem órgãos de fiscalização. Não entendo o motivo, pois quando mudo de canal, não vejo tanta agressividade em outros canais. Até mesmo na TV Meio Norte, na qual tem Silas Freire ‘quase’ Deputado Federal, não se bate e critica tanto. Eu acredito que essa tal agressividade é em defesa do povo e não a grupo político.

Deixe uma resposta