Servidores Públicos de Parnaíba vão aderir paralisação nacional nesta sextafeira

Os trabalhadores de Parnaíba, de diversas categorias, vão paralisar suas atividades na sexta-feira (30), Dia Nacional de Paralisações. A concentração será em frente a UFPI, às 8h da manhã, com um café para os trabalhadores e estudantes.
Entre as entidades que participarão do movimento estão a ADUFPI (Associação dos Docentes da UFPI), SINTUFPI (Sindicato dos Trabalhadores da UFPI), D.A 3 de março (Diretório Acadêmico da UFPI), SINTE (Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Piauí), SINTEPI (Sindicato dos Urbanitários do Piauí), Movimento Mulheres em Luta, Assembleia Nacional dos Estudantes Livre, Trabalhadores do IFPI e CSP-Conlutas.
Os trabalhadores de Parnaíba e de todo o país irão parar suas atividades para reivindicar por:- 10% do PIB para a educação pública:- 10% do orçamento para a saúde pública: saúde não é mercadoria!- Fim do fator previdenciário e aumento do valor das aposentadorias!- Redução da jornada de trabalho: trabalhar menos para ter qualidade de vida e tempo para a família.- Contra o PL 4330: chega de terceirizações e precarização do trabalho;- Contra as privatizações do patrimônio e dos serviços públicos;- Salário igual para trabalho igual: basta de discriminação à mulher no trabalho;- Fim dos leilões das reservas de petróleo: chega de privatização e entrega do patrimônio brasileiro.; – Reforma agrária: terra para quem nela vive e trabalha.;- Petrobras, AGESPISA e Transporte Público Municipal 100% estatais;- Contra toda forma de discriminação e opressão: chega de violência contra os negros, mulheres, LGBTs, indígenas e moradores da periferia; – Contra a criminalização das lutas e das organizações dos trabalhadores e da juventude: Lutar é um direito e não um crime.(PCN)

Deixe uma resposta