Tererê critica Wellington Dias e diz que Zé Filho pode ser candidato

O suplente de deputado estadual Deuzimar de Brito (PSDB), o Tererê, voltou a criticar o senador Wellington Dias e o Partido dos Trabalhadores durante entrevista no Jornal do Piauí desta quinta-feira (27). Na oportunidade ele admitiu a possibilidade de Zé Filho ser o candidato do PMDB ao Palácio de Karnak em 2014 ao invés do deputado Marcelo Castro,
“Temos que ter candidato com a simpatia do povo. As pesquisas tem que ser levadas em consideração. O Marcelo tem correr porque o Wilson Martins está em sintonia com o Zé Filho. O Zé Filho será o grande comandante das eleições 2014. Marcelo Castro é o pré-candidato do grupo, mas muita coisa vai mudar até junho”, disse Tererê.
Contra o PT, o ex-parlamentar criticou que o partido, que comandou o Estado por seis com Wellington Dias, não investiu em áreas importantes como saúde e segurança pública no Piauí. Ele também falou em traições dentro do partido entre integrantes da sigla.
“O PT joga baixo. Foi o que percebi nesses anos de Assembleia. Voltando à Assembleia sempre serei um bom combatente. O Wellington Dias não deposita mais credibilidade. Ele traiu o Cícero Magalhães e Jesus Rodrigues”, analisou o suplente.
Tererê pode voltar à Assembleia Legislativa do Piauí com saída de deputados para compor o novo secretariado estado, com a saída Wilson Martins e Zé Filho assumindo cargo.
liviogaleno@cidadeverde.com

Deixe uma resposta