URGENTE!!! EM CAMOCIM, EX-DETENTO É ASSASSINADO A GOLPES DE FACA E GARGALO DE GARRAFA. IMAGENS FORTES!

Uma ligação feita para a Polícia Militar informava sobre uma briga na Vila Pantanal, no bairro dos Coqueiros, e que havia um homem seriamente lesionado a golpes de faca e gargalo de garrafa já caído no chão.

Policiais do Ronda de Camocim chegaram ao local, que fica logo na entrada da Vila Pantanal, e já se depararam com a vítima caída ao solo já sem vida.

Os policiais identificaram a vítima, trata-se do ex-detento Francisco Eudes, vulgo “Eudes”, de 21 anos.

ATENÇÃO!!! IMAGENS FORTES A SEGUIR

Foto de Eudes ainda em vida
Segundo informações apuradas pela polícia, a vítima tinha bastante inimigos e havia se envolvido em uma confusão por volta das 04h00 da manhã já deste domingo (24). Na confusão, duas (ou três) pessoas teriam investido contra a vítima e o mataram com golpes de faca e gargalo de garrafa e fugiram em seguida.


Ainda segundo informações repassadas para a PM, um jovem identificado com Josué e outro como Fábio eram os supostos assassinos de Eudes.

Os policiais da FTA (Cb De Paula, Sds Oliveira, S. Filho e Alberto) permaneceram no local do crime resguardando o corpo, enquanto os policiais do Ronda (Sds J. Santos, Reis e Edgar) caíram em campo em busca dos acusados, conseguindo capturar o indivíduo Fábio pouco tempo depois do sinistro.






Testemunhas conseguiram identificar Fábio e afirmaram para os policiais que ele havia participado do homicídio. Ele foi conduzido para a delegacia onde declarou que sua participação teria sido somente em dá fuga ao seu comparsa Josué e completou dizendo que quem havia desferido os golpes teria sido Josué.






Para a polícia, a versão de Fábio está meio confusa, já que na cena do crime foram encontrados uma faca e um gargalo de garrafa, os dois sujos com sangue, dando a entender que no mínimo duas pessoas teriam desferidos os golpes na vítima.


Em uma rápida observação, os policiais contaram quatro perfurações, uma na  altura do peito direito e três na altura das costas.
A perícia forense esteve no local e conduziram o corpo ao IML de Sobral para a realização dos exames cadavéricos.

Policiais da Força Tática e do Ronda realizam diligências em busca de Josué, o outro acusado.




Gargalo de garrafa encontrado na cena do crime

Lâmina de faca encontrada na cena do crime

Deixe uma resposta