"Wellington Dias traiu João Vicente duas vezes e agora pode receber o troco", diz Tererê

ImDeputado Tererê (PSDB)(Imagem:AscomAlepi/Caio Bruno)Deputado Tererê (PSDB)
O deputado estadual, Deusimar Britto, o “Tererê” (PSDB) falou ao GP1 sobre a possível aliança entre o PT, PTB e PP. O tucano acredita que vai ocorrer um “troco” nesse provável enlace partidário.

Ele se refere ao fato de o senador Wellington Dias, quando ainda era governador do Estado ter sinalizado permanecer no cargo e apoiar o senador João Vicente Claudino (PTB) para o Governo, fato que não ocorreu.

Imagem: Bárbara Rodrigues/GP1João Vicente Claudino(Imagem:Bárbara Rodrigues/GP1)João Vicente Claudino

O segundo episódio aconteceu nas eleições de 2013, quando mais uma vez, o PT apontou para a possibilidade de apoiar a reeleição do ex-prefeito de Teresina, Elmano Férrer (PTB),mas, mais uma vez a aliança não vingou já que Wellington, no último momento, decidiu sair candidato ao Palácio da Cidade.

“Acho que vai ter troco por ai. O Wellington Dias por duas vezes disse que ia apoiar o PTB, mas não cumpriu. Assim como essa possível aliança pode dar certo, pode também dar. O Wellington Dias já traiu o João Vicente duas vezes e agora pode receber o troco. Será que João Vicente e o Ciro vão acreditar na palavra do Wellington? Acho isso tudo muito complicado. O PT é um partido sem confiabilidade”, disse o tucano.

Imagem: Germana Chaves/GP1Wellington Dias(Imagem:Germana Chaves/GP1)Wellington Dias

Tererê revelou ainda que tem conversado com aliados do PT, que lhe confidenciaram que não confiam no Partido dos Trabalhadores. “Nem mesmo os aliados confiam no PT. Em conversa com alguns, eles me disseram que não acreditam e nem confiam no PT”, revelou o deputado.

Deixe uma resposta